A produção industrial catarinense teve um bom desempenho em setembro. Os dados foram divulgados hoje pelo IBGE. Na comparação com o mês anterior, agosto, com ajustes sazonais, o setor cresceu 2,1%, em relação ao mesmo mês do ano passado avançou 5,2%, No acumulado do ano, até setembro, cresceu 3,4% e nos últimos 12 meses, 3,7%.

 

O resultado catarinense ficou bem acima da média nacional, que foi crescimento de 0,3% em setembro frente a agosto e queda de 1,4% nos últimos 12 meses. A Região Sul está liderando o crescimento da produção industrial do país. No acumulado dos últimos 12 meses, o Rio Grande do Sul cresceu 5,5%, seguido pelo Paraná, 5,2% e Santa Catarina, 3,7%.  

 

As maiores altas da produção em setembro frente ao mesmo mês do ano passado ocorreram nos setores de máquinas, equipamentos e materiais elétricos, 27,9%, veículos e reboques, 13,9%, produtos de metal, 7,3%, confecções e têxteis 7,4%. Metalurgia cresceu 6,5%, papel e celulose 5,1% e alimentos, 2%. As únicas quedas foram em máquinas e equipamentos (-4,5%) e produtos de madeira (-0,4%).

 

FONTE: nsctotal.com.br