período de inscrições para o Programa Universidade Para Todos (Prouni) 2021 termina nesta sexta (15) às 23h59.

 

O Prouni seleciona candidatos para bolsas parciais e integrais em universidades particulares. Um dos critérios de seleção é o desempenho dos candidatos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

 

Com o adiamento do Enem 2020 por causa da pandemia, a nota desta edição só será divulgada no fim de março. Por isso, a seleção do Prouni deste primeiro semestre adotará as notas do Enem 2019.

 

Para se inscrever, é preciso acessar o site oficial do programa: http://prouniportal.mec.gov.br/. É possível escolher até duas opções de instituição, curso e turno.

 

Todos os dias, ao longo do período de inscrição, o sistema atualiza as notas de corte. Por isso, se o candidato já fez a inscrição, é recomendado que ele entre de novo no sistema e veja as chances de aprovação. Caso a nota de corte tenha mudado muito, é possível alterar as opções e concorrer a outras vagas.

 

Os resultados serão divulgados em 19 de janeiro (primeira chamada) e 1º de fevereiro (segunda chamada).

Para participar, é necessário se encaixar em uma das seguintes categorias:

 

  • ter cursado o ensino médio completo na rede pública;
  •  
  • ter sido bolsista integral em escolas particulares durante todo o ensino médio;
  •  
  • ter alguma deficiência;
  •  
  • ser professor da rede pública de ensino, na educação básica.

 

 

Com exceção dos docentes, os demais candidatos não podem ter diploma do ensino superior.

 

Critérios de renda

 

O Prouni dá direito a bolsas de estudo em universidades particulares. São duas modalidades:

 

  • bolsa integral: renda familiar mensal per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • bolsa parcial (50% da mensalidade): renda familiar mensal per capita de 1,5 a 3 salários mínimos.

 

 

Lista de espera

 

Os estudantes não convocados nas duas primeiras chamadas deverão manifestar interesse em continuar no processo seletivo entre os dias 18 e 19 de fevereiro.

A lista de espera estará disponível para consulta em 22 de fevereiro.

 

Fies

 

O Programa de Financiamento Estudantil (Fies) também abrirá as inscrições em janeiro. A seleção para concorrer a um dos contratos de financiamento para mensalidades em universidades privadas começa em 26 de janeiro e se encerra em 29 de janeiro.

O Fies também usa as notas do Enem como critério de seleção e, para a edição do primeiro semestre de 2021, adotará o desempenho do Enem de anos anteriores (de 2010 a 2019).

 

 

 

Sisu

 

Já o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona alunos para universidades públicas, ficará para abril. Como as notas do Enem 2020 sairão em março, haverá tempo de usá-las no processo de seleção.

 

Cronograma do Prouni

 

 

  • Inscrições: 12 a 15 de janeiro
  •  
  • Resultado (primeira chamada): 19 de janeiro
  •  
  • Segunda chamada: 1º de fevereiro
  •  
  • Interesse em participar da lista de espera: 18 e 19 de fevereiro
  •  
  • Resultado da lista de espera: 22 de fevereiro

    período de inscrições para o Programa Universidade Para Todos (Prouni) 2021 termina nesta sexta (15) às 23h59.

  •  

     

    O Prouni seleciona candidatos para bolsas parciais e integrais em universidades particulares. Um dos critérios de seleção é o desempenho dos candidatos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
  •  

     

    Com o adiamento do Enem 2020 por causa da pandemia, a nota desta edição só será divulgada no fim de março. Por isso, a seleção do Prouni deste primeiro semestre adotará as notas do Enem 2019.
  •  

     

    Para se inscrever, é preciso acessar o site oficial do programa: http://prouniportal.mec.gov.br/. É possível escolher até duas opções de instituição, curso e turno.
  •  

     

    Todos os dias, ao longo do período de inscrição, o sistema atualiza as notas de corte. Por isso, se o candidato já fez a inscrição, é recomendado que ele entre de novo no sistema e veja as chances de aprovação. Caso a nota de corte tenha mudado muito, é possível alterar as opções e concorrer a outras vagas.
  •  

     

    Os resultados serão divulgados em 19 de janeiro (primeira chamada) e 1º de fevereiro (segunda chamada).
  •  

     

    Para participar, é necessário se encaixar em uma das seguintes categorias:

     

  • ter cursado o ensino médio completo na rede pública;
  •  
  • ter sido bolsista integral em escolas particulares durante todo o ensino médio;
  •  
  • ter alguma deficiência;
  •  
  • ser professor da rede pública de ensino, na educação básica.
  •  

     

    Com exceção dos docentes, os demais candidatos não podem ter diploma do ensino superior.

     

    Critérios de renda

     

    O Prouni dá direito a bolsas de estudo em universidades particulares. São duas modalidades:

     

  • bolsa integral: renda familiar mensal per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • bolsa parcial (50% da mensalidade): renda familiar mensal per capita de 1,5 a 3 salários mínimos.
  •  

     

    Lista de espera

     

    Os estudantes não convocados nas duas primeiras chamadas deverão manifestar interesse em continuar no processo seletivo entre os dias 18 e 19 de fevereiro.

    A lista de espera estará disponível para consulta em 22 de fevereiro.

     

    Fies

     

    O Programa de Financiamento Estudantil (Fies) também abrirá as inscrições em janeiro. A seleção para concorrer a um dos contratos de financiamento para mensalidades em universidades privadas começa em 26 de janeiro e se encerra em 29 de janeiro.

    O Fies também usa as notas do Enem como critério de seleção e, para a edição do primeiro semestre de 2021, adotará o desempenho do Enem de anos anteriores (de 2010 a 2019).

     

  • Saiba mais: MEC publica edital do Fies 2021 com inscrições em janeiro e Enem de anos anteriores
  •  

     

    Sisu

     

    Já o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona alunos para universidades públicas, ficará para abril. Como as notas do Enem 2020 sairão em março, haverá tempo de usá-las no processo de seleção.

     

    Cronograma do Prouni

     

     

  • Inscrições: 12 a 15 de janeiro
  • Resultado (primeira chamada): 19 de janeiro
  • Segunda chamada: 1º de fevereiro
  • Interesse em participar da lista de espera: 18 e 19 de fevereiro
  • Resultado da lista de espera: 22 de fevereiro