Uma das campanhas de maior destaque no Dia Mundial do Pedestre no Brasil ocorreu em 2014, com a frase tema “Somos todos pedestres”. A declaração é óbvia, mas parece não haver uma correspondência entre a participação de todos como pedestres e o cuidado com as pessoas.

      O Organização Mundial da Saúde estima que a cada semana morram mais de cinco mil pessoas no trânsito ocupando a posição de pedestre. Isso representa cerca de um quarto de todas as mortes que ocorrem no trânsito.

         A gravidade deste número é que pedestres não andam a velocidades perigosas e sua atividade não deveria ser potencialmente fatal. Pedestres não estão expostos à possibilidade de falha mecânica ou de perder o controle de sua condução.

         Por isso, toda morte de trânsito de alguém que está caminhando na rua poderia ser evitada. Isso significa que ao menos um quarto de todas as mortes de trânsito no mundo poderiam ser poupadas.

 

Fonte: QC Veículos